skip to Main Content
(44) 3029-5309 der@dernegocios.com.br (44) 99923-4544      

Avaliação de Empresas para Indústria

Avaliação De Empresas Para Indústria

Avaliação de Empresas para Indústria. O empresário Douglas Scomparin, proprietário da Ingáflex, indústria especializada na fabricação de rótulos e etiquetas, mudou completamente a empresa depois de fazer o valuation. “Quando vi o valor da minha empresa no mercado e o quanto poderia melhorá-lo, fiquei muito motivado a continuar investindo nela”, disse. O laudo de avaliação mostrou a força de seus ativos intangíveis, que correspondiam a 76% do valor da empresa. Além disso, segundo ele, o valuation “abriu horizontes sobre pontos a serem melhorados e me motivou a fazer essas melhorias em quase todas as áreas da minha empresa”.

Outro empresário maringaense, da indústria de móveis, comprovou o valor de sua empresa a partir do valuation. “É difícil saber o valor da empresa sem o valuation. Eu tinha uma estimativa de valor, que até se confirmou, porque sou muito curioso, tinha na cabeça as máquinas mais caras, o estoque, clientes, e estou há muitos anos no mercado. Mas, é difícil fazer essa estimativa, tanto que eu queria uma comprovação”, declara.

A experiência desses dois empresários demonstra a relevância do valuation para indústria. Embora seja importante para qualquer empresa,  ele é fundamental para mensurar o valor respeitando a complexidade da indústria. “Realmente a avaliação de uma indústria é bastante complexa porque tem mais detalhes para serem analisados.”, diz Dejair Baptista de Paula Junior, diretor da D&R Negócios.

Características da Avaliação de Empresas para Indústria

De acordo com Dejair Baptista, a análise dos departamentos requisita mais atenção na avaliação de empresas para indústria. A parte tributária também é mais complexa. O cálculo de custos é mais difícil do que em outros segmentos. E a indústria tem mais fornecedores, clientes e especificidades logísticas a serem consideradas. O avaliador tem de  levar em conta a maior probabilidade de ações trabalhistas e seu impacto no valor final. Isso porque o ambiente industrial normalmente oferece mais risco ao trabalhador.

Além disso, ele destaca que os valores de indústria normalmente são mais altos que das empresas de outros segmentos. Assim, pequenos detalhes durante o valuation podem alterar substancialmente o valor. Somado a esse fator, o horizonte de projeção estabelecido na metodologia Fluxo de Caixa Descontado Livre (FDC), uma das mais usadas, é maior na indústria. Tudo isso requer experiência por parte do avaliador na aplicação das metodologias para dar segurança ao empresário e ao mercado. Vale considerar que, associado ao FDC, também se utiliza o Método de Avaliação Relativa ou por Múltiplos para valuation de indústria. Nesse último caso, o Ebitda é a principal base de comparação.

Conheça as principais metodologias de avaliação de empresas

Os benefícios da Avaliação de Empresas para Indústria

O empresário da indústria de móveis, citado anteriormente, precisou do valuation para comprovar o valor de sua empresa. E Douglas Scomparin também considera necessária uma metodologia especializada para isso. “O empresário sabe se sua empresa está lucrativa ou se não está, mas não necessariamente sabe quanto ela vale. Por isso precisa de ajuda de um profissional”, diz.

Já o diretor executivo de uma indústria de tintas da região, diz que o valuation o ajudou a analisar a viabilidade de investir no negócio em andamento. E também a tomar decisões quanto a volume de recursos que precisaria ser captado no mercado para o reinvestimento. “Uma avaliação como essa tende a favorecer até um financiamento, captação de recurso, ou aporte de capital em fundos de investimento”, acrescenta.

De fato, um cliente de avaliação da D&R Negócios, do segmento de indústria de esportes e lazer, demonstrou sua solidez à instituição bancária por meio do laudo de avaliação. Assim, conseguiu reduzir a taxa de juros para um financiamento bancário em 10%, de 1,8% para 1,62%.

A avaliação econômico financeira pode ter muitas aplicações. As mais comuns são para operações de compra, venda ou fusões de empresas; busca de investidores, divisão de bens ou separação societária e até como ferramenta de gestão. No caso de Scomparin, por exemplo, ao realizar as melhorias propostas pelo valuation, sua indústria cresceu 30% no mesmo ano de realização da avaliação. Como apoio de gestão, o valuation pode ser repetido periodicamente para mensurar o aumento de valor.

Conheça outros benefícios do Valuation em nosso Ebook.  

D&R Negócios – Compra, Venda e Avaliação de Empresas 

Entre em contato conosco 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top